Porque está a água do mar sempre tão fria no Verão?

07-11-2012 17:27

    

    O facto da água do mar estar frequentemente mais fria nos meses de Verão comparativamente com o resto do ano mostra-nos como a sua temperatura não depende unicamente da temperatura do ar. No caso da costa portuguesa, o afloramento costeiro ou “upwelling” é um dos grandes responsáveis pela temperatura das águas costeiras (Figura 1).

 

Fig 1. Distribuição da temperatura ao largo da costa portuguesa.

Azul corresponde a temperaturas mais baixas e vermelho a mais altas.

 

    Ao incidir sobre a superfície do mar, o vento desloca a massa de água por fricção. Esta é arrastada no sentido do vento mas, devido à rotação da Terra, este deslocamento faz-se em profundidade através de uma espiral cujo balanço final corresponde a um deslocamento da massa de água 90° para a direita da direcção do vento no hemisfério Norte (ou para a esquerda estando no hemisfério Sul) (Figura 2). Na costa portuguesa os ventos dominantes nos meses de Verão são de Norte na costa Oeste e de Oeste na costa Sul. Como nos encontramos no hemisfério Norte, a massa de água vai ser deslocada para a direita da direcção do vento, ou seja, para longe da costa. Isto causa uma diferença de altura e pressão entre a zona costeira e o mar aberto, ou seja, vai haver menos água ao pé da costa do que em mar aberto. Para compensar esta “falta de água” na superfície vai haver a subida de águas mais profundas (200-400 m de profundidade) (Figura 3). Por ser profunda, esta massa de água recebe uma quantidade muito reduzida de energia solar, o que faz com que seja mais fria, acabando por tornar os nossos mergulhos no Verão menos apetecíveis. Contudo, existe um aspecto muito positivo deste fenómeno de “upwelling”. Como a luz solar não atinge esta camada de água, não existe fitoplâncton (algas microscópicas que formam a base de toda a cadeia alimentar) e, como tal, nutrientes essenciais como fósforo, silício e azoto não são consumidos. Estas águas são, assim, muito ricas em nutrientes e ao aflorarem na zona costeira vão estimular o crescimento do fitoplâncton e, consequentemente, o da restante cadeia alimentar (zooplâncton, peixes, mamíferos marinhos, etc).

 

Fig 2. Espiral de Ekman mostrando o deslocamento da massa

de água sob acção do vento.

 

Fig 3. Esquema mostrando a deslocação da massa de água superficial

para a direita e a subida de águas profundas junto à costa.

 

    Além do “upwelling” presente na nossa zona costeira, pode também ocorrer afloramento de águas profundas no oceano aberto devido à circulação atmosférica, e consequentemente, oceânica de larga escala, como ocorre no Equador devido aos ventos alísios, ou devido à topografia, como ocorre nas ilhas Galápagos e Seychelles. Existem várias regiões no Mundo famosas pela sua elevada produtividade devido ao “upwelling” tais como a costa do Perú e do Chile, da Antárctida, da Namíbia e oeste dos EUA. Cerca de 50% do volume total de pescarias provém de zonas de “upwelling”, apesar de estas corresponderem a apenas 1% da área total do oceano.

 

Catarina Leote (texto inédito elaborado para publicação no Ciência com Todos)

 

Tópico: Comentários

Gostei!!!

Data: 04-01-2014 | De: Arildo Silva

Muito bem explicado,valeu!!!

Excelente

Data: 27-08-2013 | De: Manel M.

Muito obrigado por esta explicação!

s

Data: 26-05-2013 | De: n

n

Porque está a água do mar sempre tão fria no Verão? Ler mais: http://cienciapatodos.webnode.pt/news/porque-esta-a-agua-do-mar-sempre-t%c3%a3o-fria-no-ver%c3%a3o-/ Crie o seu website grátis: http://www.webnode.pt

Data: 09-11-2012 | De: MANUEL AUGUSTO DOS SANTOS LOPES

SÓ LI " NA DIAGONAL " MAS AQUI ESTÁ UMA RESPOSTA QUE TEM SENTIDO ( MAS PRECISO DE LER COM MAIOR ATENÇÃO), MAS O QUE EU LI FAZ ALGUM SENTIDO........POIS CONHEÇO AS ÁGUAS DO NORTE E AS AGUAS DA ILHA DE TAVIRA A MONTE GORDO QUE SÃO MAIS MORNAS E ISTO FAZ SENTIDO .....MAS NO CASO DO TURISMO ......TEMOS UM EXEMPLO DE COMO SE PODEM TRANFORMAR ALGUMAS PEQUENAS ZONAS COM PISCINAS DE MARÉS E SOLARES ( APENAS COM CALOR E NÃO AS FOTOVOLTAICAS ) TORNANDO-AS MAIS QUENTES E SENDO UMA FORMA DE AUMENTAR O RENDIMENTO DESTAS ZONAS FRIAS ....... ( ALGUMAS , SE BEM PENSADAS ATÉ SERVIRIAM PARA SER USADAS NO INVERNO .............................................................................NÃO SEI SE ESTA SECÇÃO DE COMENTÁRIOS SE PODEM FAZER PEDIDOS SOBRE OUTROS ASSUNTOS , MAS GOSTARIA DE CONHECER OS PORQUÊS GEOLOGICOS E MORFOLOGICOS . ALÉM DA QUEBRA QUANDO OS CONTINENTES SE SEPARARAM DESTAS REGIÕES DE PORTO E GAIA E PORQUE É QUE O RIO DOURO ESCOLHEU O SEU LEITO LOGO NUMA ZONA GRANITICA ( LOGO DIFICIL ) DURA E ALTA EM RELAÇÃO AO MAR QUER NO PORTO , QUER EM GAIA ...... , QUANDO ME PARECE QUE O LEITO MAIS FÁCIL FOSSE O RIO DESAGUAR ENTRE A GRANJA E ESPINHO NUMA ZONA CONHECIDA COMO BOCA MAR ....?. GOSTEI E DESCULPEI SE ULTRAPASSEI O QUE SE PREDENDIA COM O COMENTÁRIO......../ MAS É UM ASSUNTO QUE ME INTRIGA E NÃO VEJO ABORDADO EM LUGAR NENHUM ....SEI MAIS DA AMAZÓNIA , AQUIFEROS DO BRASIL , OU RIO COLORADO, PARQUE DO YELLOWSTONE , QUE DO RIO DOURO E SEUS ARREDORES ......./ OBRIGADO PELA PARTILHA

Apreciação

Data: 08-11-2012 | De: Graciete Fernandes

Excelente texto que me trouxe tantos conhecimentos!!!! De facto eu já me tinha interrogado sobre o facto de a água do mar, no Norte, ser tão fria!
Obrigada.

Itens: 1 - 5 de 5

Novo comentário