Re:Astronomia/Astrobiologia

Data: 08-11-2012 | De: Rui Costa

Por enquanto apenas conhecemos um planeta em que a vida surgiu e se desenvolveu.
Tudo o mais que se possa dizer é, por enquanto, especulação.

Já há décadas que se "escuta" o universo, na esperança de se detectar uma qualquer civilização extraterrestre que eventualmente estivesse a emitir um sinal. Este projecto, chamado SETI (busca de inteligência extra-terrestre), até à data não obteve quaisquer resultados práticos.

Mais recentemente, nos últimos anos, têm-se descoberto planetas extrassolares às centenas. Mas a sua deteção é feita por métodos indirectos (diminuição periódica no brilho de uma estrela, quando um eventual planeta passa pela sua frente ou medindo o pequeníssimo deslocamento que a massa do planeta exerce sobre a estrela). Estes métodos indirectos apenas nos permitem detectar a massa mínima e alguns dados orbitais do planeta.

E se mesmo com uma planeta "aqui ao lado" ainda mandamos sondas para Marte para determinar se terá ou não albergado vida - pelo menos microrganismos...), muitíssimo mais incerteza teremos em relação à existência de vida noutros corpos que orbitem outras estrelas...

Novo comentário